Vencedores do Concurso Internacional de Arquitectura “African School Project”: “Iº Classificado”

Para fechar, hoje trazemos o último artigo da série “Vencedores do Concurso Internacional de Arquitectura African School Project“, com o 1º classificado da categoria “Prize“. O concurso contou com a participação de 500 equipas de projecto no total, onde foram destacados 15 projectos no final, dos quais 10 receberam menções honrosas, e 5 venceram a categoria “Prize“. Segue a tradução livre do texto extraído da página oficial do concurso e peças desenhadas do projecto:

Projecto da Escola de Benga
Classificado
Equipa: Ben MCmillan e Dequales Thompson
País: Estados Unidos de América, Texas.

O caminho dos sonhos para o sucesso existe. Que tenhas a visão para encontrá-lo, a coragem para alcançá-lo e a perseverança para segui-lo. ~ Kalpana Chawla (Astronauta)

A Escola Secundária da Paróquia de Benga é um espaço comunitário destinado a educar a juventude do Malawi. O conceito deste campus encontra a sua origem na representação da vida como uma jornada ao longo de um caminho. O projecto procura simbolizar a educação como um catalisador para o sucesso ao longo deste caminho. A intenção teórica desse conceito é materializar o caminho para o sucesso. Os alunos que experimentam o espaço vão, física e simbolicamente, percorrer esse caminho, tomando instintivamente o significado e o propósito do projecto do caminho. Em teoria, o ambiente será um gesto sempre presente em direcção à acção consciente e à aprendizagem ao longo da vida. A intenção arquitectónica do conceito é criar uma avenida singular, com acesso a partir de um ponto de entrada controlada. As residências dos professores são colocadas perto deste ponto de entrada para agir como um elemento de protecção para os dormitórios dos alunos. Com coberturas de palha, os edifícios do campus inspiram-se na área circundante. A biblioteca, incorporação do conhecimento, é representada como o destino final. A estratégia da organização que orbita a biblioteca se alinha para manter contacto visual do centro para as árvores mais próximas. Os segmentos restantes dentro do limite radial são usados ​​para organizar as funções do campus da escola, por exemplo, as salas de aula organizadas em clusters por nível académico. A nossa pesquisa, através de entrevistas e precedência regional revelou a necessidade de programas adicionais. Isso inclui projectos como um jardim experimental (localizado perto da cozinha), uma clínica e um campo de futebol. Por meio de uma abordagem de coordenação ambiental, conservamos e gerenciamos o ambiente usando dispositivos arquitectónicos em nosso benefício. A ventilação passiva, energia solar, incubação de água no local e irrigação selectiva ajudam a atingir esses objectivos. Materiais, sistemas e montagens foram projectados para serem construídos dentro de disponibilidade e recursos locais. A nova escola secundária em Benga, no Malawi, é um passo em frente no caminho do sucesso para a humanidade.

 

Deixar uma resposta

Navegar