Centro Cirúrgico Infantil: Renzo Piano Building Workshop e TAMassociati

Arquitecto(s): Renzo Piano Building Workshop e Studio TAMassociati
Localização: Entebbe, Uganda
Ano: 2013
Programa: Hospital
Estado: Em Construção
Cliente: Emergency


O atelier Renzo Piano Building Workshop, liderado pelo arquitecto italiano, prémio Pritzker 1998, Renzo Piano, e o atelier TAMassociati, sediado em Veneza, Itália, colaboraram para o projecto de um Centro Cirúrgico Infantil, em Entebbe no Uganda. Localizado nas margens do Lago Victória, a cerca de 35 quilómetros da capital do país, Kampala, o hospital foi projectado para albergar três salas de cirurgia e 78 camas, além de servir como centro de formação para jovens médicos e enfermeiros.

Vista geral do edifício © Renzo Piano Building Workshop
Vista geral do edifício © Archivio Emergency

A par do programa e da tentativa de satisfazer ao máximo as necessidades da população, foi dada também especial atenção aos aspectos ecológicos e o impacto ambiental que o edifício terá durante toda a sua vida. Optou-se por isso em construir o edifício em taipa, de solo local, o que optimiza o comportamento térmico do corpo do edifício, diminuindo a amplitude térmica no seu interior, além de dispensar mão de obra especializada e a necessidade do uso de cimento. Foram também instalados cerca de 2.600 painéis fotovoltaicos na sua cobertura para satisfazer as necessidades do edifício.

Segue a tradução livre do texto de um dos ateliers autores do projecto, extraído do seu site:

A nossa visão de África passou recentemente por um desenvolvimento lento, mas constante, mudando a nossa percepção de um continente negligenciado a uma nova fronteira de um mundo em desenvolvimento. O desafio deste novo projecto da ONG Emergency é combinar os requisitos práticos de um hospital de cirurgia pediátrica em África com o desejo de criar uma peça modelo de arquitectura: racional, tangível, moderna, bonita, mas firmemente ligada à tradição. Será mais do que um mero hospital: será a primeira obra arquitectónica em África projectada por alguém que, nas últimas décadas, escreveu a história da arquitectura. Este projecto é um sinal de extrema importância simbólica para a promoção dos cuidados de saúde e cultura no Uganda e em toda África.

Uma das fachadas de acesso ao edifício. Fonte aqui

O edifício seguirá as curvas naturais do terreno que descem para o lago. Seguindo a forma do terreno, as paredes do hospital e os limites dos espaços de circulação exterior formarão terraços sobre os quais o próprio hospital estará, em um contínuo espacial entre interior e exterior, acima e abaixo. As paredes empilhadas vão quebrar a distinção entre as várias zonas, criando uma unidade entre o lago, o parque e o ambiente hospitalar interno.
A terra é a matéria-prima usada para construir as casas das pessoas mais pobres na maior parte do mundo. É uma técnica de construção simples e barata, mas que, em África, é associada pela maioria das pessoas a um passado de pobreza que precisa ser esquecido. Ficamos fascinados com a ideia de devolver alguma dignidade a essa técnica, usando a terra escavada para construir as paredes de sustentação com a técnica de terra batida. A técnica de taipa é um método antigo de construção envolvendo uma mistura de terra, areia, cascalho, ligantes e um pouco de água, comprimida em molduras ou moldes de madeira ou metal. A grande vantagem é que o material está disponível localmente e não há necessidade de cimento ou trabalhadores altamente especializados. Uma visão sustentável desde a fase de construção.

© Renzo Piano Building Workshop

 

O edifício, nascido da terra, terá sua energia a partir do sol. De facto, o telhado será feito de uma estrutura de treliça suspensa que suporta 9.800 metros quadrados de painéis fotovoltaicos (igual à superfície de um campo de futebol). Esse sistema garantirá que o hospital tenha um fornecimento de energia autónomo durante o dia. Será também conectado à linha principal, para fornecer energia para as comunidades ao redor quando o consumo estiver baixo. O tecto fotovoltaico, “flutuando” acima do edifício, garantirá também sombra para o hospital e todas as passarelas descobertas.

Planta de localização. © Renzo Piano Building Workshop
Planta de implantação. © Renzo Piano Building Workshop
Simulação 3D, vista geral do edifício. Fonte aqui
Simulação 3D. Fonte aqui
Simulação 3D. Fonte aqui
Planta de cobertura. © Renzo Piano Building Workshop
Planta de piso. © Renzo Piano Building Workshop
Planta com o programa descrito. © Renzo Piano Building Workshop
Corte transversal I. © Renzo Piano Building Workshop
Corte transversal II. © Renzo Piano Building Workshop
Pormenor da fachada. © Renzo Piano Building Workshop
Esquiço I. © Renzo Piano Building Workshop
Esquiço II. © Renzo Piano Building Workshop
Reuniões de trabalho entre os ateliers Renzo Piano Building Workshop e Studio TAMassociati I. Fonte aqui
Reuniões de trabalho entre os ateliers Renzo Piano Building Workshop e Studio TAMassociati II. Fonte aqui
Renzo Piano Building Workshop e Studio TAMassociati. Fonte aqui
Construção das fundações do edifício. Fonte aqui
A equipa do projecto. Fonte aqui

 

Deixar uma resposta

Navegar